Saúde e bem estar

Além de remover as impurezas do corpo, a bucha vegetal previne celulites e promove a renovação da pele.

Nada melhor como chegar em casa após um dia de trabalho e tomar aquele banho tão esperado.

Seja no frio ou calor, uma ducha que refresca ou esquenta é a melhor sensação e representa o fim de um dia e o início da noite. Para tanto, além dos benefícios terapeuticos, as buchas proporcionam qualidade à pele, removendo as células mortas e fazendo uma esfoliação diária que o corpo precisa.

Entre os diversos tipos de buchas e esponjas de hoje, a vegetal tem uma enorme vantagem em relação às esponjas sintéticas que normalmente usamos. Dentre os benefícios mais comuns, está o fato de serem biodegradáveis, ao contrário de suas concorrentes feitas de petróleo que quando descartadas são depositadas em lixões poluindo o meio ambiente. Outro fator que as deixa á frente, é que elas podem ser higienizadas constantemente sendo mais saudáveis. As sintéticas acumulam resíduos e se transformam em verdadeiras colônias de bactérias enquanto as vegetais, basta deixar de molho por 30 minutinhos em uma solução de água com cloro para que estejam limpas e desinfectadas novamente. Por esse e outro motivos, ela também é mais econômica: Rende 6 vezes mais que a bucha sintética e também é mais eficiente pois não arranha ao limpar.

Corpo
A bucha vegetal ativa a circulação sanguínea, o que previne o aparecimento de celulites e retira as células mortas, o que provoca a renovação da pele. Além disso, é um esfoliante natural o que evita as danadas das estrias de surgirem na pele. Elas são relaxantes e podem ser usadas no corpo inteiro, menos no rosto. A sensação de limpeza após o uso é incrível e uma boa dica, é passar uma porção generosa de hidratante na pele após o uso, para completar o tratamento.

Use e abuse dos benefícios da bucha sintética

-Molhe a bucha em água quente para amolecer as fibras

-Como o assunto é bem-estar e saúde, a opção é escolher sabonetes com rastreamento de insumos orgânicos e não conter químicas agressivas. Os sabonetes à base de Copaíba, Andiroba, Mel e própolis, são ótimos bactericidas e antiinflamatórios

-Os movimentos circulares, firmes, contínuos e ascendentes, auxiliarão na estimulação profunda

– Se sua pele for seca, os movimentos devem ser mais fortes, contribui ao estímulo das glândulas sebáceas e equilíbrio da gordura

– Para peles oleosas, combine com um adstringente ou sabonete esfoliante

-A bucha vegetal pode ser usada diariamente sem prejudicar a pele, potencializando a ação da mudança de textura, confirmando a remoção das células mortas

Atenção: A bucha triturada tem textura macia e pode ser usada no rosto com sabonete líquido. Já a bucha inteira, não pode ser usada na face.

Fonte: http://www.rac.com.br/_conteudo/2013/06/especial/estilo_rac/74919-o-poder-da-bucha-vegetal.html